19 November 2015

Pistachio and yoghurt chicken curry with Naan bread / Caril de frango com iogurte e pistachios e pão Naan.


Cold and rainy days, call for a cozy and warm blanket and a comforting bowl of food and this rich and creamy curry couldn't be more comforting and delicious.
The Naan bread, is the most delicious one I ever tried and it is so easy to make and the perfect accompaniment for the creamy sauce of the curry.
ingredients (serves 4):
100g unsalted pistachios, plus extra to serve
5cm ginger, peeled and roughly chopped
4 cloves of garlic, roughly chopped
3 tbsp rapeseed oil (I used olive oil)
2 large onions, sliced into fine rings
2 large ripe tomatoes, roughly chopped
1/4 tsp ground black pepper
1 tsp garam masala
1/2 tsp chilli powder
1 tbsp coriander seeds, crushed
1/2 tsp ground cardamom
4cm cinnamon stick or 1 tsp ground cinnamon
1 tsp salt or to taste
800g skinless, boneless chicken thighs, chopped into 2cm cubes
250ml hot chicken stock
4 tbsp Greek yoghurt, plus extra to serve
juice of 1/2 a lemon
method:
In a food processor or spice grinder, grind the pistachios to a fine powder and set aside.
Bash up the ginger and garlic in a pestle and mortar to a coarse paste and set aside.
Put the oil in a wide-bottomed, lidded frying pan on a medium heat and, when it's hot, add the onions.
Fry the onions until they are caramelised, which should take around 20 minutes.
Add the garlic and ginger paste and stir fry for 3 to 4 minutes, before adding the tomatoes.
Put the lid on the pan and leave to cook for around 5 minutes, or until the tomatoes start to break down.
Add the black pepper, garam masala, chilli powder, coriander, cardamom, cinnamon and salt.
Stir everything together and then add the chicken. Turn the chicken so that it seals on all sides.
Add the ground pistachios and stir fry for 1 minute and then pour in the chicken stock.
Stir the yoghurt with a fork and then add it into the pan, string everything together.
Pop the lid on the pan and leave to cook for around 15 minutes.
Taste the curry and adjust the seasoning if needed.
If you want, you can add a little water in order to achieve a more saucy consistency.
Serve the curry with the Naan bread and/or Basmati rice and top it with a dollop of yoghurt, a scatter of chopped pistachios and a squeeze of the lemon juice.


ingredients for the Naan bread (makes 12):
500g plain flour + extra to dust the dough
rapeseed oil (I used olive oil)
4 tbsp whole-milk yoghurt
7g dried yeast
2 tsp sugar
2 tsp salt
1 level tsp baking powder
275ml whole milk, hand hot
method:
Put the flour into a large mixing bowl. Make a well in the middle and add 2 tbsp of oil, the yoghurt, yeast, sugar, salt and baking powder.
Mix through with your fingers until the ingredients resemble breadcrumbs. Add the warm milk, little by little, and mix again until it comes into a dough.
Put the dough on to a clean and well floured surface and knead for about 5 minutes.
Transfer the dough to a bowl, cover and leave it in a warm place for at least 1 hour, or until doubled in size.
When the dough has doubled in size, divide it into 12 pieces.
Take one piece, roll it into a ball and flatten it between your palms. Coat it in fresh flour and roll it out to around 12cm x 20cm.
Put a frying pan on a medium heat and, when hot, place the naan in it.
When the naan starts to bubble (that can take about 20 to 30 seconds), flip it over, using a spatula, and cook on the other side, for the same amount of time. Be careful to not burn it.
Flip over again and quickly press it gently all over with a spatula, for 10 to 15 seconds.
Turn the naan over again for another 10 to 15 seconds and if cooked perfectly (without uncooked doughy bits), take it off the pan.
Cook the remaining naans in the same way, keeping the cooked ones warm by stacking them on top of each other and wrapping them in foil.

__________________

Dias frios e chuvosos só pedem comidinha de conforto e acreditem, eu sei que aqui é a terra da chuva, mas estas duas últimas semanas tem sido demais.
Já me questiono onde é que há tanta água para deitar abaixo..., e isto para não falar nos ventos fortíssimos e nas temperaturas baixas que acompanham as tempestades de chuva que têm caído incessantemente.
Enfim, lamúrias à parte, pois eu não sou de me lamentar e sim de aceitar o que a vida e a Natureza têm para me oferecer, deixo-vos hoje com este caril de frango maravilhoso e com o que, acreditem, é o melhor pão Naan que já comi até hoje (e isto não quer dizer que seja o melhor do mundo, pois muitos haverá para experimentar...).
Comidinha de conforto que nestes dias é o que sabe melhor, pois aquece o corpo e a alma.


ingredientes (para 4 pessoas):
100g pistachios sem sal + extra para servir
5cm gengibre fresco, descascado e picado grosseiramente
4 dentes de alho, descascados e picados grosseiramente
3 colheres sopa de óleo de colza ou canola (eu usei azeite, pois não gosto do óleo de canola)
2 cebolas grandes, cortadas em rodelas finas
2 tomates grandes e maduros, picados grosseiramente
1/4 colher chá de pimenta preta moída na altura
1 colher chá de garam masala
1/2 colher chá de malagueta em pó
1 colher sopa de sementes de coentros, esmagadas
1/2 colher chá de cardamomo em pó
1 pau de 4cm de canela, ou 1 colher chá de canela em pó
1 colher chá de sal, ou a gosto
800g sobre coxas de frango, sem pele e sem osso e cortadas em cubos de cerca de 2cm
250ml caldo de galinha quente
4 colheres sopa de iogurte grego + extra para servir
sumo de 1/2 limão
preparação:
No copo do robot de cozinha ou num moinho de especiarias, reduzir os pistachios a farinha e reservar. 
No almofariz, esmagar os alhos e o gengibre, até obter uma pasta grosseira. Reservar.
Colocar o óleo numa frigideira de fundo largo que tenha tampa e aquecer sobre lume médio.
Quando o óleo estiver quente, adicionar as cebolas e fritar até estas estarem caramelizadas, o que poderá demorar cerca de 20 minutos.
Adicionar a pasta de alho e gengibre e fritar, mexendo sempre, por cerca de 3 a 4 minutos.
Adicionar os tomates, tapar a frigideira e cozinhar por cerca de 5 minutos, ou até os tomates começarem a desfazer.
Adicionar a pimenta preta, a garam masala, a malagueta em pó, as sementes de coentros, o cardamomo, a canela e o sal e mexer tudo muito bem.
Adicionar o frango e mexer, por forma a selar todos os lados do mesmo.
Adicionar os pistachios em pó e mexer por cerca de 1 minuto, antes de adicionar o caldo de galinha.
Mexer bem o iogurte com um garfo e adicioná-lo à mistura anterior, mexendo tudo muito bem.
Tapara a frigideira e deixar cozinhar por cerca de 15 minutos.
Provar o caril e rectificar os temperos a gosto.
Caso queiram e achem necessário, podem adicionar um bocadinho de água, por forma a obter um molho mais cremoso.
Servir o caril decorado com uma colherada de iogurte, pistachios picados e regar com um bocadinho do sumo de limão.
Acompanhar com/ou arroz Basmati e o pão Naan.


ingredientes para o pão Naan (para 12):
500g farinha de trigo branca + extra para polvilhar a bancada e o pão
óleo de canola ou colza (eu usei azeite)
4 colheres sopa de iogurte natural gordo
7g fermento biológico seco
2 colheres chá de açúcar
2 colheres chá de sal fino
1 colher chá (nivelada) de fermento em pó
275ml leite gordo, morno


preparação:
Colocar a farinha numa taça larga. Fazer um buraco no meio e adicionar 2 colheres de sopa do óleo ou azeite, o iogurte, o açúcar, o fermento de padeiro seco, o sal e o fermento em pó.
Misturar tudo muito bem com as pontas dos dedos, até obter uma mistura areada.
Adicionar o leite morno, um bocadinho de cada vez, até a mistura formar uma massa.
Colocar a massa sobre uma superfície limpa e bem enfarinhada e amassar por cerca de 5 minutos.
Transferir a massa para uma taça, cobrir com película aderente e deixar levedar em local aquecido, por cerca de 1 hora, ou até ter duplicado de tamanho.
Quando a massa tiver duplicado de tamanho, dividi-la em 12 pedaços iguais. Formar uma bola com um pedaço da massa e depois, espalmá-la entre as palmas das mãos.
Polvilhar a massa com farinha e estender com o rolo, por forma a obter um rectângulo com cerca de 12 x 20cm. Repetir para os restantes pedaços de massa.
Colocar uma frigideira sobre lume médio e, quando bem quente, colocar um naan na frigideira.
Quando a parte de cima do pão formar bolhas, o que demorará cerca de 20 a 30 segundos, virá-lo com a ajuda de uma espátula e cozinhar do outro lado por mais 20 a 30 segundos, tendo cuidado para não deixar queimar.
Voltar a virar o pão e, com a ajuda da espátula, pressionar delicadamente, a superfície do mesmo por cerca de 10 a 15 segundos.
Voltar a virar e cozinhar por mais 10 a 15 segundos, verificando se não há bocados de massa crua.
Retirar o pão da frigideira e repetir o processo para os restantes pães.
Enquanto se cozinham os pães restantes, manter os que já estão cozinhados quentes, simplesmente colocando-os uns em cima dos outros e embrulhando-os em folha de alumínio.

Recipe / Receita: